Imprimir

Biodiesel de Caixa de Gordura com Planta paga por Carbono

1 INTRODUO

A interface entre saneamento e energia limpa est sendo estimulada pelas Mudanas Climticas, atravs dos recursos financeiros provenientes dos crditos de carbono.

O aproveitamento energtico do lixo, exemplo j consolidado desta interface, est sendo incentivado a desenvolver tecnologias mais eficientes na oferta de energia e na antecipao dos benefcios.

Estaes de Tratamento de Esgoto (ETE) tambm iniciam investimentos no aproveitamento energtico de seus efluentes. As norte-americanas comeam a aproveitar o gs para combusto e a gordura para biodiesel. As australianas convertem o lodo em carvo e leo combustvel.

No Brasil, uma paulista aproveita o gs. No Rio de Janeiro, que teve nibus consumindo gs de esgoto nos anos 80, a COPPE est avaliando para a CEDAE, na ETE Alegria, de maneira pioneira no mundo, a viabilidade de aproveitamento integrado do gs, da gordura e do lodo. A ECO 100 participa deste projeto no desenvolvimento do biodiesel com a gordura.

2 OBJETIVOS

Aprimorar a obteno de material gorduroso residual e a produo de biodiesel j iniciada no projeto da COPPE para a CEDAE, instalar prottipo, realizar testes sistemticos durante 06 meses, realizar estudo de valorao ambiental e de sade pblica, confirmar competitividade perante o leo diesel, elaborar caderno de engenharia do sistema, elaborar metodologia para solicitao de crditos de carbono programticos que contempla projetos similares - e submeter ONU, elaborar projeto de carbono, identificar o potencial de negociao antecipada dos crditos para viabilizar a instalao de usinas. Criar conceito de Franquia Ambiental e Saneamento Energtico.

3 JUSTIFICATIVAS

No Brasil, o servio de coleta de esgoto sanitrio atende a cerca de 40% da populao, sendo comum a existncia de retentores de caixas de gordura com vistas a reduzir o risco de entupimento da tubulao.

Por conta da legislao vigente, o material graxo presente nestes retentores deve ser retirado, periodicamente, e encaminhado para Estaes de Tratamento de Esgoto, onde diminui a eficincia, ou para Aterros Sanitrios, onde degrada e emite metano.

Sua converso em biodiesel possibilita substituir o leo diesel fssil e evitar a emisso de dixido de carbono.

A coibio das emisses destes gases responsveis pelo efeito estufa permite solicitar crditos de carbono. Com base no recm criado conceito de Programa de Atividades que autoriza a aprovao de uma metodologia e uma documentao padro, em que vrios projetos similares podem ser inseridos sem necessitar aprovaes individuais ser solicitado direito aos crditos, com os quais se pretende estabelecer alternativa de financiamento para a construo e instalao de usinas de produo de biodiesel. Isto, que tambm seria possvel para insumos tradicionais, s vivel quando o preo do produto tem capacidade de competir com o do leo diesel o que o resduo gorduroso, por conta de seu custo negativo, proporciona.

4 METAS

Desenvolvimento da obteno de insumos e produo de biodiesel 6 meses

Instalao do prottipo 2 meses

Elaborao de metodologia 4 meses

Submisso ONU 1 ano

Elaborao de Projeto 2 meses

Identificao do potencial de comercializao antecipada dos crditos 1 ano.

5 MTODO

Aperfeioamento do processo desenvolvido pela COPPE em projeto para a CEDAE, com vistas a processar o material gorduroso presente no esgoto. Este processo tende a estimular a coleta exclusiva das caixas de gordura, ao contrrio do procedimento dominante no mercado, que consorcia o servio limpeza de fossas sanitrias mas preciso verificar a viabilidade logstica desta operao. Para auxiliar no aprimoramento, est sendo firmado acordo com a Universidade de Blumenau, que j desenvolveu sistema de desemulsificao dos resduos de caixa de gordura de cozinhas industriais, em 2004, e produziu biodiesel com 80% de eficincia.

Elaborao de metodologia de mitigao de gases responsveis pelo efeito estufa especfica, com base em metodologia aprovada para biodiesel produzido com leo de fritura usado e utilizao em frotas cativas na China. Submisso ao Painel Metodolgico das Naes Unidas com vistas a suportar Programa de Atividades conhecido como MDL Programtico , para que a reproduo do sistema no acarrete novos custos de transao com a ONU e fique mais palatvel aos interessados pelos crditos.

Utilizao de rede internacional de ONGs que comercializa crditos de carbono de projetos de fontes renovveis, que o Proponente Responsvel participa, para comercializar os crditos e custear os investimentos das usinas.

6 RESULTADOS PREVISTOS

Melhoria da eficincia das estaes de tratamento de esgoto devido reduo de gordura que chega nestas estaes, reduo dos gastos de sade relacionados a doenas de veiculao hdrica e as relacionadas ao sistema respiratrio;

Processo de obteno de gordura a partir de esgoto e produo de biodiesel capaz de viabilizar o consumo de biocombustvel ao mesmo preo do leo diesel;

Aprovao de metodologia e de Programa de Atividades para solicitao de crditos de carbono, no recm criado MDL Programtico, em atividade pioneira;

Comercializao dos crditos antecipadamente para viabilizar a construo e instalao das usinas, em atividade pioneira.

7 IMPACTOS SCIOECONMICOS ESPERADOS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

O Estado do Rio de Janeiro o nico a manter um programa voluntrio de mistura de biodiesel com percentuais superiores aos da legislao federal, o que representa um mercado de centenas de milhes de litros anuais.

A gordura de esgoto possibilita produo de biodiesel a preo compatvel com o leo diesel segundo pesquisa desenvolvida na Universidade de Blumenau desde 2003 , requisito para o consumo espontneo, alm de ter potencial de ofertar 40 milhes de litros anuais no Estado.

A utilizao de resduos do setor de saneamento na produo de biocombustveis e a instalao de usinas atravs do aporte de recursos provenientes de crditos de carbono negociados no exterior minimizam as barreiras financeiras das inovaes. Este sistema reduzir os custos do saneamento, a poluio da disposio final destes resduos e da combusto do leo diesel fssil, o que repercutir em menores gastos no setor de Sade pois os principais componentes deste insumo so cidos saturados cujo biodiesel, ao ser misturado ao leo diesel, promove a combusto mais completa e reduz a emisso de fuligem.

A produo de equipamentos para as usinas tambm ajudar na dinamizao econmica do estado, assim como os empregos gerados nas usinas de produo de biodiesel.